Diana Queiroz

4 ARTIGOS 0 COMENTÁRIOS

Artigos Publicados

Gil Figueiredo

Gil estava ainda no curso de enfermagem quando se começou a mentalizar de que ir trabalhar para o estrangeiro seria uma opção. Ver os colegas já licenciados no mesmo curso seguir carreira no estrangeiro abriu os horizontes e ajudou-o a preparar-se mentalmente para esta mudança. Em 2011, quando terminou o curso, seguiu o instinto e começou a tratar das burocracias necessárias para se inscrever na ordem britânica de enfermeiros.

Ana Rita Gomes

Os objectivos de Ana Rita Gomes, de 24 anos, estavam bem traçados quando decidiu fazer um estágio no estrangeiro. Através de uma amiga, conheceu a AIESEC e com esta, oportunidades de estágio pelo mundo.

João e Sara

João e Sara conheceram-se quando João preparava uma viagem à volta do mundo. Sara gostou da ideia e juntou-se aos planos. Cedo perceberam que, para sustentar a viagem, teriam de trabalhar enquanto viajavam. Por isso, depois de alguma pesquisa, escolheram ir para Londres, no Reino Unido, para aprender as bases da restauração, um dos trabalhos com mais saída pelo mundo.

Cristina Rodrigues

Há quatro anos, a vida e o amor levaram Cristina Rodrigues até Manchester, Inglaterra, onde mora desde então. Não escolheu a cidade, muito menos emigrar, mas com uma relação à distância que já durava há bastante tempo decidiu dar este passo para a relação poder evoluir.