Férias em Portugal

Por Susana Morais

0
379

Estes últimos dias têm sido diferentes, filha. Não temos ficado dias a fio fechadas em casa porque lá fora não fazem temperaturas a baixo de zero. Tens apanhado sol, sem teres que o tomar em comprimidos. Quando vamos às compras e me pedes as bolachas que tanto gostas de comer na casa da avó, eu não digo que não, por serem demasiado caras, pois aqui não temos que pagar a exportação.

Quando na inocência dos teus dois anos metes conversa com as pessoas na rua, elas não ficam a olhar para ti de forma estranha sem saber o que te responder, por não falarem a mesma língua , pois as pessoas têm te compreendido e respondido até. Não tens estado só comigo, com o papá e com a mana bebé , tens convivido com avós, tios, primos, sem ser em vídeo chamada.


Foste ver a praia, as ondas queriam-te apanhar e tu fugias às gargalhadas, também achaste piada às pegadas que deixámos na areia, há uma semana atrás estávamos a achar piada às nossas pegadas na neve. Estivemos no campo, soltei-te a mão sem te chamar mil vezes para não saíres de ao pé de mim, pois consigo continuar a ver-te.Deixei-te correr, ser livre e isso deixou-te ainda mais feliz.
Tens andado feliz, até a mana que ainda não fala, consegue exprimir que está feliz, nos bons passeios que damos, a aproveitar o sol de inverno, lá vai ela a observar tudo, parece que sabe, parece que compreende o porquê destes dias terem sido assim, mas na verdade, nem ela nem tu o sabem.


Tem sido assim, porque estamos de férias em Portugal, e o nosso país é assim, tem estas coisinhas pequenas que se transformam em gigantes e nos enchem o coração. Desculpem-me filhas por não terem isto todos os dias, desculpem-me por um dia ter tomado essa decisão, desculpem-me filhas, pois as férias estão quase a acabar.

Eu sei o que é sonhar com as férias, desesperar pelo dia das férias, dói, entristece e custa muito a espera. E eu não queria nada que vocês se juntassem a mim nessa ansiedade que nos consome. Desculpem-me…

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.